Elaboração de Lista

Aqui vão algumas dicas e sugestões:

  • Casal com filhos solteiros
    Sr.  +  nome do homem + e família

  • Casal com filhos solteiros e filhos casados
    Sr.  +  nome do homem + família e filhos casados

  • Casal sem filhos
    Sr. E Sra. nome do homem

  • Namorados
    Exemplo:  Letícia e Fabiano
    Obs. O nome que começa é o da pessoa que os noivos conhecem.

  • Empresas
    Aos funcionários do setor...

  • Viúvo(a)
    Nome da mulher ou nome do homem e família

  • Apelido
    Não usar

  • Srta.
    Não Usar

  • Familiares  -  Parentes (avós, tios, primos)
    Nomes das pessoas

  • Dr.
    Quando for algo profissional. No caso pessoal não usar Dr.

  • Não se usa:
    Ao senhor
    Em mãos
    Extensivo
    Senhorita
    Apelido

  • Outros
    Quando possível, é recomendável evitar o uso de Ilustríssimo e Excelentíssimo ( por extenso ou abreviado), exceto em casos excepcionais e quando se exige o protocolo, tratamento determinados em portarias. Veja a tabela a seguir:

Alguns exemplos:
Ao Presidente da República Vossa Excelência
Ao Governador Senhor Governador
Ao Prefeito Senhor Prefeito
Ao Papa Sua Santidade
Ao Cardeal Excelência Reverendíssima ou Eminência
Arcebispos e Bispos Excelência Reverendíssima
Monsenhor Reverendíssimo Monsenhor(sobrenome)
Monsenhor Reverendíssimo Monsenhor(sobrenome)
Vigários e Padres Reverendíssimo Padre ou Padre (acompanhado do nome)
Dom também é usado para arcebispos, bispos e beneditinos.
A um príncipe Alteza
A um juíz Meritíssimo
A um ministro Senhor Ministro

No endereçamento, no envelope, usa-se:

“ Exmo. Sr.” para:

Presidente da República*,  Vice  -  Presidente da República, Ministros, Membros do Congresso Nacional, Desembargadores e Juizes dos Tribunais, Embaixadores, Governadores*, Diretor Geral, Departamento de Polícia Federal, Procurador- Geral da República, Procuradores-Gerais, Membros do Legislativo, Autoridades militar o mínimo de General de Brigada, Prefeitos*, Cardeal, Núncio Apostólico.

Para:

Arcebispos e bispos - Revmo. Sr.
Vigários e padres  - Revmo. Sr.
Madres e freiras - Revma. Senhora

Para demais autoridades militares, civis e eclesiásticas, usa-se “Ilmo. Sr.”.

*A essas autoridades e também aos Presidentes dos Supremos Tribunais, Presidente de Legislativos, aconselha-se não abreviar o tratamento.

Outro item muito importante diz respeito a forma de apresentação da lista. É recomendável a entrega da lista à caligrafa datilografada. Com isso, a perda de tempo na tentativa de decifrar nomes escritos à mão é muito menor e a chance ocorrerem erros na escrita dos nomes também diminui.